Voltar

Informativo Diário

06/07/2021

SEM CHICAGO, SOJA TEM DIA DE PREÇOS NOMINAIS E MERCADO VAZIO DE OFERTAS

Na segunda-feira, o mercado interno de soja iniciou a semana travado nas diversas praças de negociação do país. Em virtude do feriado nacional norteamericano do Dia da Independência, o mercado esteve sem seu principal referencial, somente indicações nominais de preços foram reportadas e praticamente não houve participação dos agentes. O câmbio teve mais uma sessão positiva, enfileirando o quinto pregão consecutivo de alta e se aproximando do patamar de R$ 5,10 por dólar, mas pouco influenciando o mercado.

RS: cotações nominais em um mercado pouco ofertado. Na região portuária do estado, para embarque e pagamento em meados de agosto/21, indicações nominais de compra entre R$ 164,50 e R$ 165 por saca CIF, enquanto no spot a indicação fica em R$ 164. No interior do estado, indicações entre R$ 158 e R$ 159 por saca FOB para embarque e pagamento curtos.

PR: dia de preços nominais em um mercado sem negócios aparentes. Para embarque e pagamento em meados de agosto deste ano, indicações nominais de compra entre R$ 165 e R$ 165,50 por saca CIF na região portuária. Na região oeste, indicações de compra na faixa de R$ 159 por saca para embarque e pagamento em meados de julho/agosto deste ano, porém sem contrapartida de vendas.


CHICAGO(CME/CBOT) Na Chicago Board of Trade (CBOT), não houve negociações nessa segundafeira devido ao feriado nacional norte-americano do Dia da Independência. As negociações retornam ao normal nesta terça-feira (06).

• A produção de soja do Brasil deve atingir 143,5 milhões de toneladas no ano comercial 2021/2022 (fevereiro de 2022 a janeiro de 2023), ante 137 milhões de toneladas no período anterior. As informações são do Gain Report, do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA). A área semeada deve avançar de 38,8 milhões para 40,3 milhões de hectares.

• As exportações deverão somar 94 milhões de toneladas na temporada 2021/22, ante 87 milhões de toneladas no ano comercial anterior. O consumo doméstico foi previsto em 50,2 milhões de toneladas para 2021/22, ante 49,00 milhões de toneladas na temporada anterior.

• Na última década, a produção de soja no Paraguai aumentou 42%, segundo dados do USDA. A produção do país em 2020/21 ficou entre 9 e 9,8 milhões de toneladas, de acordo com estimativas de várias organizações locais. No caso do USDA, ele coloca a produção em 9,9 milhões de toneladas.

• Os números fazem parte de relatório da Bolsa de Comércio de Rosário.

• Na última campanha, o desenvolvimento da cultura foi afetado por uma situação climática adversa. Apesar disso, as exportações de grãos permaneceram sólidas, enquanto o consumo doméstico e os estoques finais de temporada se ajustaram para baixo.


CHINA Um poderoso grupo de lobby empresarial europeu apelou aos políticos da União Europeia (UE) para pressionarem com mais força contra o capitalismo de estado da China, mas não para bloquear as empresas chinesas, como defendido por alguns líderes que estão seguindo o exemplo dos Estados Unidos em limitar os laços comerciais com a China. Membros da European Round Table for Industry, ou ERT, um grupo comercial de quase 60 executivos-chefes e presidentes de grandes multinacionais com base na Europa, na segunda-feira apelou aos líderes da UE para pressionarem por melhores condições de negócios com a China e não recuar, apesar do crescimento de dúvidas de alguns líderes sobre Pequim e em meio à melhoria dos laços com Washington.


CÂMBIO O dólar comercial fechou em alta de 0,65% no mercado à vista, cotado a R$ 5,0870 para venda, engatando o quinto pregão seguido de sinal positivo, refletindo a cautela com a política doméstica em sessão de liquidez reduzida em meio ao feriado nos Estados Unidos e exterior mais negativo para as moedas de países emergentes.


Fonte: CMA Group - Safras & Mercado.





Rod. BR 373 - km 400 | Candói - PR | Brasil - CEP: 85.140-000
© 2021 | Todos os Direitos Reservados. Ultramax