Voltar

Informativo Diário

25/11/2021

COM PREÇOS DE ESTÁVEIS A MAIS FRACOS, MERCADO INTERNO TEM SESSÃO MAIS LENTA

Nesta quarta-feira, o mercado brasileiro de soja teve uma sessão menos agitada nas principais praças de negociação do país. Com compradores e vendedores pouco ativos, apenas negócios pontuais foram anotados ao longo do dia. Houve certa dificuldade na formação dos preços diante das oscilações de Chicago, câmbio e prêmios, e a ponta vendedora relutou em diminuir suas pedidas. De qualquer forma, as cotações oscilaram entre estáveis e mais fracas nas principais praças, acompanhando as perdas de Chicago e do câmbio.

RS: mercado com registro de negócios pontuais no disponível com pagamento para janeiro. As cotações oscilaram negativamente. Na região portuária, para embarque imediato e pagamento na segunda quinzena de dezembro, indicações de compra entre R$ 172,50 e R$ 173,00 por saca CIF Rio Grande. No interior do estado, indicações até R$ 168,00 por saca FOB para embarque e pagamento em meados do mês de dezembro.

PR: alguns negócios foram reportados em um mercado com preços um pouco mais fracos. Para embarque imediato e pagamento em meados do mês de dezembro deste ano, indicações de compra entre R$ 172,00 e R$ 173,00 por saca CIF em Paranaguá. Na região oeste do estado, indicações na faixa de R$ 166,00 por saca para embarque e pagamento no mesmo período.


CHICAGO (CME/CBOT) Na Chicago Board of Trade (CME/CBOT), os contratos futuros do complexo soja fecharam novamente em queda no grão e no farelo e em alta no óleo nesta quarta-feira. Nas posições spot, perdas de 0,51% no grão e de 1,27% no farelo, e ganho de 1,33% no óleo. No melhor momento do dia, o contrato janeiro/22 do grão atingiu a máxima de US$ 12,81 por bushel. Ao final da sessão, trocou de mãos a US$ 12,6650 por bushel.

• Na véspera do feriado nos Estados Unidos - Dia de Ação de Graças -, os participantes optaram por se posicionar e liquidaram posições, determinando a queda. Além disso, a melhora no clima na América do Sul também abriu espaço para ajustes negativos.

• Não haverá sessão nesta quinta-feira (25) em Chicago e na sexta a sessão será abreviada, com fechamento às 15hs.

• As perdas só não foram mais acentuadas devido a sinais renovados de demanda firme pela soja americana. Os exportadores privados norteamericanos reportaram ao Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) a venda de 330.000 toneladas de soja em grão para destinos não revelados, a serem entregues na temporada 2021/22. Também houve uma operação de venda de 30 mil toneladas de óleo para a Índia.

• Na sexta, o USDA divulgará os embarques semanais. O mercado aposta em número entre 700 mil e 1,7 milhão de toneladas.


CHINA O Departamento de Estado dos Estados Unidos publicou uma lista indicando 110 países convidados a participar da Cúpula para a Democracia, com as notáveis exceções de Rússia e China. As informações são da agência de notícias "Sputnik". Entre os países convidados, o departamento listou Taiwan. O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, pontuou em várias ocasiões que os norteamericanos estão prontos para ajudar Taiwan a se defender em caso de uma possível invasão chinesa.


CÂMBIO O dólar comercial fechou em R$ 5,5950, com queda de 0,23%. A moeda norteamericana foi pressionada durante toda a sessão pela ata do Comitê Federal de Mercado Aberto (Fomc, na sigla em inglês) - que foi divulgada nesta tarde, considerando a antecipação do aumento dos juros e aceleração do tapering (remoção de estímulos) -, e em segundo plano os precatórios.


Fonte: CMA Group - Safras & Mercado.





Rod. BR 373 - km 400 | Candói - PR | Brasil - CEP: 85.140-000
© 2021 | Todos os Direitos Reservados. Ultramax